Apesar de seu talento indiscutível, Chris Brown continua sendo uma figura controversa no mundo do entretenimento. Sua história de abuso doméstico foi bem documentada no passado e até hoje assombra sua carreira. Mais recentemente, fotos que mostram as mãos do cantor ao redor do pescoço de uma mulher apareceram na web e, como você poderia esperar, não foram recebidas positivamente. Ele e a mulher na foto afirmaram que era apenas brincadeira, no entanto, isso não parece ser suficiente para as pessoas que estão pedindo para que o selo de Chris BrownCBE, seja retirado da gravadora Interscope Records.A Care2, um site de petições online, está tentando remover o selo CBE de Chris Brown da Interscope após as fotos terem aparecido na semana passada. Chris Brownlançou a CBE Records em 2007, na Interscope. A petição é dirigida ao CEO da InterscopeJohn Janick, e diz que “a perigosa história de violência contra a mulher de Brown foi ignorada por muito tempo. Brown é uma ameaça para as mulheres e precisa ser responsabilizado por suas ações”.
A petição em si está próxima de sua marca. A meta é de 17 mil assinaturas e, a partir de agora, está acima de 16 mil e provavelmente chegará a 17 mil em breve.
A petição também faz uma citação da resposta de Rihanna às fotos que ela fez para o Hollywood Life. “É apenas ruim de olhar – ponto final. Depois de tudo o que eles passaram, ela está desapontada por ele até brincar desse jeito.”